Paraná quer mudar compras governamentais pelas startups

O Estado do Paraná quer mudar o processo de compras governamentais para abrir vez às startups, contou o superintendente de Inovação do Governo do Paraná, Henrique Domakoski, ao participar do MyInova Summit 2019, que acontece esta semana, em Curitiba, com organização da ASSESPRO PR e da Federação Assespro. O executivo não poupou críticas à atual máquina pública. “Ela é arcaica, ultrapassada e desatualizada”, disparou.

Mas para mudar o processo de compras governamentais é preciso que o Estado atualize a sua Lei de Inovação, em uma adequação ao novo marco nacional de Inovação. “Estamos aprendendo com os erros e os acertos. Até agora houve mais erros na condução desse processo, mas é certo que a Lei de Inovação do Paraná, lançada em 2012, precisa ser atualizada e já estamos discutindo na Assembleia Legislativa”, informou Domakoski.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Domakoski fala como o estado do Paraná planeja a mudança nas compras governamentais, fala do papel das startups no serviço público e ressalta que inovação não é mais um fator de diferencial de competitividade, mas, sim, de sobrevivência. Assistam a entrevista com o superintendente de Inovação do Governo do Paraná, Henrique Domakoski.

Fonte: Divergência Digital.