O Brazil Tech Roadshow chegou ao Paraná!

O Brazil Tech Roadshow was on the road na última semana, aterrissando no Paraná entre os dias 10 a 12 de setembro. A capital paranaense foi a primeira parada desta edição dos especialistas de tecnologia e investimento do Ministério do Comércio Internacional do Reino Unido (DIT-UK) para falar sobre o mercado britânico de tecnologia, inovação e venture capital e as oportunidades de parceria e internacionalização junto com os principais stakeholders locais, incluindo Founders InstituteAssespro Paraná e Hotmilk, a aceleradora da PUC-PR.

O Reino Unido é um líder mundial em inovação e possui umas das economias mais abertas e dinâmicas do mundo, com uma rica história de inovação incluindo: a revolução industrial, telefone, fotografia, radar, motores a jato e desenvolvimento da internet, entre muitas outras. Hoje, Londres é, além de ser o principal centro financeiro global, um dos maiores centros de tecnologia do mundo e o principal centro de startups da Europa.

De fato, quase 40% de todos os unicórnios europeus estão no Reino Unido que também possui o maior número de Fintechs de qualquer cidade no mundo. Mais de 100 empresas brasileiras já se estabeleceram no Reino Unido, incluindo grandes empresas de tecnologia como a GympassSalaryFits e Stefanini.

Por sua vez, Curitiba possui uma história como umas das cidades mais inovadores do pais, sediando a primeira Universidade do Brasil (a UFPR), internet gratuita em seus bibliotecas públicas desde a década 90 e o lugar onde nasceu o BRT — Trânsito Rápido de Ônibus — tornando Curitiba a pioneira neste modelo de gestão de transporte urbano. No ranking do Connected Smart Cities 2018, que analisa as cidades mais inteligentes do Brasil, Curitiba ocupa o 1° lugar no Ranking Geral, 2º em Empreendedorismo e Urbanismo, 3º em Tecnologia e Inovação e 1º lugar em Governança.

Grandes startups como EBANX — que já conta com uma operação em Londres — MadeiraMadeiraContabilizei e Pipefy nasceram na cidade. Curitiba ainda possuiu, hoje, uma nova Lei de Invocação, com um arcabouço jurídico para a atuação do poder público na área de inovação. Curitiba tem, também, o projeto Worktiba Barigui, primeiro coworking público entre as capitais brasileiras. No nível estadual, o Governador Carlos Ratinho Junior busca transformar o Paraná num dos estados mais inovadores do Brasil.

Começamos nossa visita à Curitiba com uma sessão de pitches de startups no Founders Institute, aceleradora global cuja operação na cidade fica no fantástico novo espaço de inovação, o Campus Rebouças de Inovação e Aceleração (CRIA). No Brazil Tech Roadshow realizado no dia seguinte, contamos com a participação de palestrantes do Vale do Pinhão — polo de inovação e desenvolvimento da PrefeituraFalamos com mais de 70 fundadores, consultores, advogados, executivos e profissionais de tecnologia sobre como dar o primeiro passo para a internacionalização, parcerias e investimentos cross-border para as empresas brasileiras no Reino Unido, e porque escolher o mercado britânico como seu launch pad de globalização.

A próxima parada foi Londrina, a segunda maior cidade no estado e que conta com uma história britânica especial: foi uma empresa britânica de desenvolvimento, a Paraná Plantations que fundou a cidade na década 30. Hoje em dia, Londrina é reconhecida como um dos grandes ecossistemas regionais do Brasil. Neste ano O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) vai criar na cidade um polo tecnológico de inovação agropecuária. Será o primeiro de um conjunto de cerca de 12 que serão espalhados pelo país. Londrina também é referência por ser um polo na área de saúde e também no setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

O Meet Up, que ocorreu no moderno campus de Londrina da da PUC-PR, conectou fundadores, investidores e executivos interessados no mercado britânico junto com os principais players na arena de desenvolvimento econômico incluindo, a Hotmilk, Agência Terra RoxaSEBRAE e PEIEX e ACIL. Também contamos com a participação no evento da Dechra Brasil, parceira local do grande grupo britânico de capital aberto e líder em saúde animal , a Dechra Pharmaceuticals. Após o evento fomos visitar o primeiro polo brasileiro de Inteligência Artificial no moderno novo espaço do SENAI-PR.

Em resumo, foram três dias de muito engajamento com atuais e novos colegas, aprendizado e troca de experiências no Paraná.

Fiquem de olho no site do Brazil Tech Roadshow para novas datas e cidades!

#TechnologyIsGREAT #InvestInGREAT #TechRoadshow

Fonte: Medium.