Mulheres respondem por menos de 15% das vagas em Inteligência Artificial

As mulheres precisam perder o medo de enfrentar os homens e buscar o seu lugar no mercado de tecnologia, diz a diretora do projeto MEX (Mulheres Executivas) em São Paulo, Maria Fernanda Teixeira.

Ao participar do MyInova Summit 2019, realizado na semana passada, em Curitiba, a executiva deu números significativos da ausência feminina nos cargos voltados à Tecnologia: apenas 18% das mulheres estão em cursos de Ciência da Computação e pouco menos de 20% dos empregos hoje disponíveis no Brasil em TI  – cerca de 1,3 milhão, conforme dados divulgados pela Associação Brasileira das empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) – são para mulheres.

“Em inteligência artificial isso nos preocupa. A mulher não pode deixar os homens dominarem porque há todo um conceito de ética que exige um equilíbrio de gêneros”, observa Maria Fernanda Teixeira. À CDTV, do portal Convergência Digital, a executiva do MEX, que reúne mais de 3 mil executivas e empreendedoras do Brasil, diz que é hora de as mulheres perderem o medo. Assistam a entrevista.

Fonte: Convergência Digital.