Britânia adere à inteligência artificial na gestão e nos produtos

A Britânia, uma das mais tradicionais indústrias do País, está usando a inteligência artificial na gestão dos processos e também nos seus produtos – com o lançamento de um aspirador-robô para o consumidor final. Ao participar do MyInova Summit 2019, realizado esta semana, em Brasília, a gerente de Marketing, e-commerce e Parcerias da Britânia, Samanta Puglia, admitiu que ao adotar IA na gestão do processos trouxe dores, entre elas, a adequação do quadro de pessoal.

“Tive que demitir duas pessoas por conta a automação, mas ela é inevitável. A automatização está acontecendo em funções que a maioria não gosta de fazer, são funções chatas. A IA está mudando o processo e o funcionário tem de pensar na sua requalificação”, observou a executiva. Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Samanta Puglia, conta como é estar à frente da jornada digital em uma indústria como a Britânia. Assistam.

Fonte: Convergência Digital.