O que o Brasil está procurando na Grande Polônia?

Entre os dias 11 a 13 de novembro de 2018, a Voivodia de Wielkopolskie recebeu a delegação do governo brasileiro e três regiões de Paraná, Pará e Pernambuco

A visita fez parte do projeto Plataforma UE-CELAC INNOV-AL: Promoção de políticas descentralizadas de inovação no Brasil, que é financiado por fundos da UE (União Européia) e visa apoiar o intercâmbio de experiências entre as regiões europeias e brasileiras na implementação da política de inovação descentralizada. A delegação brasileira foi chefiada por Marlon Carvalho Cambraia, secretário federal, representante da Secretaria de Desenvolvimento Regional dentro do Ministério da Integração do Brasil.

No dia 11 de novembro, a delegação participou de eventos organizados por ocasião do centésimo aniversário da recuperação da independência da Polônia. Um deles foi a participação no tradicional Marszałkowski Concert, que teve lugar no Grand Theatre em Poznań. O concerto foi uma oportunidade para conhecer Marek Woźniak, marechal da região de Wielkopolska.

No dia 12 de novembro, convidados estrangeiros durante a conferência com representantes da UMWW se familiarizaram com o sistema Wielkopolska de especializações inteligentes, e em 13 de novembro visitaram a Universidade de Tecnologia de Poznań e os institutos relacionados ao desenvolvimento do setor de TIC em Wielkopolska.

No mesmo dia, a delegação brasileira iniciou conversas de parceria com Maciej Sytek, membro do Conselho da Região Wielkopolska. Eles resultaram em propostas concretas para áreas de cooperação entre a Grande Polônia e o Brasil, especialmente com Stan Stan, que desde 2010 tem sido a região parceira de Wielkopolska.

Entre os campos de especialização inteligente (smart specialization) apresentados para cooperação, agronegócio, saúde e energia foram colocados como prioridades. Aroldo Messias de Melo Junior, Diretor-Geral da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná recebeu uma carta de parabenização ao novo governador (Carlos Roberto Massa Júnior), que assumirá o governo no início de 2019.

No Paraná o projeto é conduzido no âmbito da Governança de TIC, sendo executado como uma das ações estratégicas do plano de trabalho dessa governança, tendo os diversos atores da governança participado das mobilizações. A Assespro-Paraná tem sido um dos principais protagonistas na liderança da governança e desse projeto.

Representantes dos estados de Pernambuco e Pará também manifestaram disposição de colaborar com Wielkopolska. Todos os convidados do Brasil enfatizaram a beleza da região e a alta qualidade de vida.

Fonte: Urząd Marszałkowski Województwa Wielkopolskiego e Assespro-Paraná.