Diálogos Setoriais: União Europeia e Brasil

O projeto Diálogos Setoriais é uma dinâmica de cooperação entre a União Europeia (UE) e o Brasil, baseado em princípios de reciprocidade e complementaridade para intercâmbio de conhecimentos e experiências em áreas de interesse mútuo.

Entende-se por Diálogo Setorial a troca de conhecimentos, experiências e melhores práticas de natureza técnica, política ou ambas, em temas de interesse comum e que ocorram regularmente em diferentes níveis hierárquicos.

Finalidade do Projeto Diálogos Setoriais

A iniciativa de apoio aos Diálogos Setoriais tem como finalidade apoiar parcerias entre instituições brasileiras e europeias, através de projetos que facilitem intercâmbios e troca de experiências e conhecimentos, visando reforçar o diálogo político e técnico em temas de interesse mútuo.

Os Parceiros Institucionais, beneficiários diretos da Iniciativa, são os órgãos e entidades da Administração Pública Federal brasileira, e correspondentes Direções-Gerais, Serviços e Agências executivas da União Europeia que participem de diálogos específicos.

Diálogos Setoriais no Paraná

As atividades apoiadas abrangem a troca de informações, boas práticas, desenvolvimento de ações conjuntas, aproximando as partes em volta de temas estratégicos e de prioridade mútua.

No Paraná, o RIS3 – Estratégias de Especialização Inteligente em Territórios Inovadores é um piloto para a implementação das RIS3 no Brasil. As Estratégias de Pesquisa e Inovação para a Especialização Inteligente ou RIS3 (em inglês, Research and Innovation Strategies for Smart Specialization) são ferramentas importantes e bastante utilizadas nas políticas de desenvolvimento regional da União Europeia, constituindo-se metodologia de referência para promover mudanças estruturais das economias regionais baseando-se em conhecimento e inovação, inclusive em regiões fora da Europa.

Através do programa Diálogos Setoriais, o Paraná está sendo apoiado para desenvolver o projeto por conta de suas reconhecidas competências e potenciais através da sua Governança de TIC.